Transformar a Comunidade II – Os 12 escolhidos

COORDENADOR DE COMUNIDADE – AQUELE QUE SERVE COM ALEGRIA


O COORDENADOR JESUS A coordenação é um serviço importantíssimo nas comunidades. A boa coordenação, aberta a Deus e às pessoas, faz a comunidade prosperar e o Reino de Deus acontecer.

É um serviço que deve proporcionar prazer e felicidade. Sim, a coordenação deve ser mais alegria que sofrimento, porque a palavra “evangelho”, em si, é “boa notícia”, e um coordenador estressado, desanimado ou acomodado, não consegue anunciá-lo bem à comunidade.

O COORDENADOR JESUS

Na bíblia, podemos analisar Jesus coordenador:

1) João 13, 1-9 (O lava-pés): Jesus amou seus coordenados ensinando que a coordenação é um serviço à comunidade; o serviço deve ser a marca da comunidade e não a dominação e a servidão. Ensinou que todo trabalho é importante.

2) Marcos 4, 35-41 (A tempestade acalmada): Jesus vê que na outra margem há gente que precisa dele. No barco, acalma os discípulos para depois ensinar que se ele está presente ninguém perece. Às vezes, parece que Jesus dorme nos dias de hoje… O coordenador acalma, transmite esperança e coragem; mantém o equilíbrio, sem apavorar-se diante das dificuldades.

O QUE FAZ UM COORDENADOR?

1) Ele inclui as pessoas. O coordenador cristão soma os dons que o grupo possui.

2) Ele anima e conduz o grupo, nas turbulências (acalmando) e na calmaria (provocando movimento).

3) Ele leva o grupo a atingir seu objetivo.

4) Ele se apresenta para ajudar a resolver os problemas.

5) Ele delega responsabilidades, tarefas e poderes de decisão.

6) Ele organiza as pastorais da comunidade.

DE QUE PRECISA PARA COORDENAR BEM?

1) Transitar pelo grupo todo – manter diálogo com todos.

2) Ter uma caminhada comum com o grupo – um bom tempo de participação, para saber o valor das conquistas e o sofrimento dos erros cometidos.

3) Conhecer bem o assunto que coordena e ter noções básicas de outros assuntos ligados ao que coordena.

4) Saber decidir: pessoas indecisas transmitem insegurança. Após examinar bem a realidade, ouvir os envolvidos e buscar o auxílio necessário cabe ao coordenador a decisão sobre a maioria dos assuntos. Os mais importantes, é claro, são decididos pelo grupo.

5) Ser equilibrado: não estar excessivamente animado ou desanimado; hoje querendo tudo e amanhã nada, controlando seus impulsos para manter-se na linha do objetivo traçado pelo grupo. A abertura para o diálogo com o mundo começa pelo diálogo interior

6) Conhecer seus pontos fortes e fracos: ninguém é perfeito, mas o coordenador será chamado a falar em público, escrever, dialogar, negociar e organizar. Assim, ele deve desenvolver suas aptidões e buscar auxílio para suprir suas limitações.

7) Observar, ouvir e falar com seu grupo: cada pessoa é importante, cada fato deve ser trabalhado e estudado, como também a realidade (particular e coletiva) nunca deve ser esquecida.

8) Fazer partilha com todos que trabalham nas pastorais: fomos acostumados a resolvermos apenas os problemas do nosso grupo imediato. O coordenador precisa articular-se com outros coordenadores para resolver problemas comuns, sendo verdadeiramente “Igreja de Cristo”.

9) Assume com responsabilidade a comunidade e

10) Fidelidade: afinal, o Reino que buscamos não é meu e nem seu, é de Deus.

COORDENAR EM EQUIPE

A melhor maneira de coordenar se realiza em comunidade, em equipe. Um coordenador que fica no cargo por anos seguidos tende a se desgastar por tanto trabalhar ou a acomodar-se.

O primeiro foge quando pode e o segundo tende a se perpetuar no poder. A solução é montar uma equipe partindo das necessidades do grupo, criando assessorias (e preparando novos líderes): secretário, assessor de comunicação, de liturgia, de formação, de eventos, etc…

É preciso dividir tarefas, responsabilidades e autonomia, formando uma “família” que promova reuniões regulares e divida alegrias e desafios.

Se o Reino dos Céus é semelhante a um grão de mostarda, pequenino, que se torna a maior das árvores, a coordenação deve ser simples, mas com solidez e competência, criando raízes em Jesus Cristo. Coordenadores: Reze, peça sabedoria, confesse, comungue, leia muito, informe-se, cresça!

Se entregue nas mãos de Deus e seja feliz!

PARÓQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA

TEOLOGIA PASTORAL – 2010

Estudo do papel do coordenador de comunidade.

Para saber mais, leia este livro!